2018/19

 

 

Como tem sido amplamente noticiado pela comunicação social, a utilização do plástico tornou-se desmesurada. Actualmente, aproximadamente 8,8 milhões de toneladas de lixo plástico têm como destino os oceanos. Este lixo constitui uma ameaça para o nosso planeta e representa um risco para a saúde humana.

Na tentativa de reverter, à nossa escala, esta situação, a Direção do AEOH, em parceria com os clubes eco-escolas das várias escolas que compõem o Agrupamento, decidiu deixar de vender garrafas de água de plástico nos bares das suas escolas, assim como deixar de utilizar outros derivados de plástico (pratos, colheres, copos, etc). A escola continuará a vender água engarrafada, mas em copos ou enchendo garrafas reutilizáveis que sejam trazidas de casa por cada um dos alunos, funcionários ou professores.

Desta forma, a Direção do AEOH, dá seguimento à resolução do Conselho de Ministros n.º 141/2018, publicada em Diário da República n.º 207/2018, Série I de 26 de outubro de 2018.

A escola como promotora de uma consciencialização de uma vida saudável e amiga do ambiente, pretende incutir na sua comunidade regras e práticas para a melhoria do ambiente. É fundamental que todos se consciencializem da importância de se “combater” o uso excessivo do plástico e podermos em conjunto fazer algo para promovermos melhor qualidade de vida.

Esta medida será implementada no início do 2º período, para se iniciar o novo ano de uma forma mais responsável e comprometida com o ambiente.

Com o lema “No AEOH o ambiente é tratado de forma diferente”, vamos todos dizer não ao plástico!