2017/18

No dia 1 de junho, todas as turmas do 7.º ano do AEOH, tiveram a oportunidade de visitar Trancoso e Marialva.

A visita de estudo foi proposta e organizada pelos professores de História e EMRC e teve como principais objetivos:
- Conhecer e valorizar o património cultural e natural de Portugal;
- Estabelecer ligações entre passado e presente
- Conhecer e compreender a formação do reino de Portugal num contexto de Reconquista Cristã.
- Reconhecer o papel dos Castelos no processo da Reconquista Cristã e na formação do Reino de Portugal.
- Relacionar-se com os outros com base nos princípios de cooperação e solidariedade, assumindo a diversidade como fator de enriquecimento mútuo.
- Perceber os sinais do meio envolvente que revelam sentimentos religiosos.

Tanto em Trancoso como em Marialva as visitas foram guiadas e os alunos puderam estabelecer muitas ligações com as matérias tratadas nas aulas.

Em Trancoso os alunos visitaram o Castelo e subiram à Torre de Menagem; ouviram algumas das histórias/lendas de Bandarra na recentemente inaugurada Casa do Bandarra; perceberam muitas das características da religião judaica no Centro de Interpretação Judaica “Isaac Cardoso” e passearam pelos locais mais característicos da Vila Medieval, com passagem obrigatória pelo pelourinho, túmulo do Bandarra e portas d’El Rei.

Já em Marialva a visita foi pela velha cidadelha e respetivo castelo, passando também pela igreja e capela de S. Tiago. As vistas das muralhas e torre de menagem foram os locais mais apreciados pelos alunos pelas magníficas vistas que dali se podem observar.

Trancoso encontra-se hoje rodeada de muralhas, da época de D. Dinis, com um belo castelo, também medieval, a coroar esse majestoso conjunto fortificado.

Com um distinto e ilustre passado, a vila destacou-se, também, por estar associada a inúmeras figuras históricas e lendárias, como: João Tição, Gonçalo Vasques Coutinho, o Magriço, Gonçalo Annes Bandarra, Gonçalo Fernandes Trancoso, Fernando Isaac Cardoso, entre outros.

Aqui se travaram importantes batalhas, entre as quais a de Trancoso, em 1385, que impôs pesada derrota às tropas invasoras e que antecipou o resultado da batalha de Aljubarrota.

Mais recentemente, Trancoso não passou ao lado dos muitos outros acontecimentos que marcaram a História de Portugal, de que são exemplo, já no séc. XIX, as Invasões Francesas e as lutas entre liberais e absolutistas.

A aldeia de Marialva é uma das 12 Aldeias Históricas de Portugal e situa-se a poucos minutos da cidade de Mêda. Esta aldeia, uma das relíquias vivas da nossa ancestralidade, transporta-nos às raízes mais profundas da nossa história.

Ao entrar em Marialva, fica-nos a sensação que entramos num cenário histórico, as ruas, ladeadas por edifícios resistentes ao tempo, conduzem-nos à cidadela cercada pelas muralhada em cujas ruínas perdemos a noção do tempo.