O Erasmus+ é o programa da União Europeia nos domínios da educação, da formação, da juventude e do desporto para o período de 2014-2020. A educação, a formação, a juventude e o desporto podem dar uma contribuição importante para ajudar a enfrentar as mudanças socioeconómicas, os principais desafios que a Europa terá de enfrentar até ao final da década e apoiar a execução da Agenda Política Europeia para o crescimento, o emprego, a justiça social e a inclusão.

Erasmus+ e European Design Europia 2020

Para os anos de 2017-2020 o Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital terá também um novo desafio: o projeto European Design Europia 2020, ou a visão dos jovens sobre o design da futura Europa. Acompanhar-nos-ão colegas de diversas escolas europeias da Áustria, Bélgica, Bulgária, Lituânia, Polónia e Eslovénia.
Os principais objetivos deste projeto centram-se no desenvolvimento de skills artísticos e da criatividade, de competências sociais, da compreensão cultural mútua, mas também no envolvimento de alunos e professores, na apreensão dos valores europeus e na melhoria das competências linguísticas.

A arte será o veículo através do qual os alunos se vão exprimir, trabalhando de forma colaborativa e desenvolvendo, durante os encontros, o trabalho de equipa. A arte terá, ainda, um efeito integrador e contribuirá para uma melhor compreensão das culturas. As mobilidades e as diversas formas de comunicação permitirão igualmente o desenvolvimento das competências linguísticas de alunos e professores.

O projeto será dirigido aos alunos do 9º ano de todas as escolas do Agrupamento que mostrem interesse em nele participar. Os professores de educação visual colaborarão com o projeto, introduzindo-o no programa da sua disciplina, orientando os alunos e acompanhando o seu trabalho.

O primeiro encontro do projeto aconteceu entre os dias 26 e 30 de novembro, em Salzburgo, Áustria. Desta vez, contou-se apenas com a presença de professores. O intuito era planificar as atividades a levar a cabo por cada escola até ao próximo encontro, em março, na Polónia.

Fátima Couceiro